COCO ANTES DE CHANEL


Em homenagem ao mês da mulher vamos falar sobre uma que revolucionou o mundo da moda. Dinâmica e empreendedora, Gabrielle Chanel sabia a dose certa de novidade para agradar em cada obra representada pelos enganchados “c” que registram o famoso logo da marca e ilustram um estilo imortal, que não sai de moda em nenhum lugar do mundo. A bolsa com alças de corrente dourada, o colar de pérolas, o tailleur, o famosinho corte de cabelo Chanel com franja e o “pretinho básico” , que ela aconselhava todas as mulheres a ter no armário, como garantia de elegância que perpetua até hoje. Sua vida pessoal também bastante polêmica, seus diversos amantes se alternavam entre cabeças coroadas, milionários e mandatários da política, homens que influenciaram decisivamente sua vida. Um deles lhe custou o exílio por ser um oficial nazista que Coco se envolveu quando seu papel político ficou evidente na história. Durante a Segunda Guerra Mundial a famosa estilista ligou-se aos alemães, sendo assim, colaboradora de Adolf Hitler, quando confeccionava chapéus para guerra. Quase tudo sobre a vida da clássica revolucinária Chanel, poderá ser visto em “Coco antes de Chanel”, filme de Anne Fontaine, que tem Audrey Tautou, Benoít Poelvoorde e Alessandro Nivola no elenco e estréia em breve no Brasil. A história da estilista é contada sem mostrar envolvimentos políticos ou escândalos, mas certamente qualquer fato não abalaria o brilho de Chanel, muito menos das bolsas ou do tradicional e consolidado perfume Chanel No. 5 que refere-se ao algarismo de sorte da estilista e até hoje é um best-seller. Da cabeça aos pés, a estilista renovou a silhueta feminina, libertou a mulher dos trajes desconfortáveis e rígidos como as faixas e cintas, os corpetes apertados, as saias amplas do final do século XIX, sendo considerada uma das forças do movimento feminista, ultrapassando gerações. A mulher que veste Chanel ressalta sua essência feminina, e consegue expressar toda a elegância e sutileza que nela existe. Carrega nas peças que veste uma história social de revolução, hoje no agitado mundo globalizado, onde ela tem inúmeras funções pela ascensão do sexo feminino, e antes na dura censura e repressão. Coco foi à frente do seu tempo, foi a imperial referência luxo e mantém sua pose de diva perante o mundo. E é por isso que até hoje assistimos verdadeiros espetáculos de moda traduzidos pelas criações de Largerfeld dando continuidade ao reinado de quem ensinou o mundo ser chic.

por Mariana Campos

1 Comentário

Filed under Uncategorized

One response to “COCO ANTES DE CHANEL

  1. wow… amazing blog…. i’ve also a post on Chanel…
    visit mine and post your valuable comments…

    i thnk you’ll like it….

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s